Toxina Botulínica: É Segura?

A toxina botulínica, mais conhecida como botox, é um dos tratamentos dermatológicos mais antigos e procurados por aqueles que desejam amenizar as linhas e rugas de expressão.

Apesar de ser muito conhecido, ainda há muitas questões sobre o procedimento, incluindo a dúvida sobre os riscos em realizá-lo. A saúde vem sempre em primeiro lugar, por isso é importante saber se, de fato, a aplicação é segura.

É importante salientar que as técnicas de procedimentos estéticos estão cada vez mais modernas, proporcionando riscos mínimos e resultados altamente satisfatórios, mas será que isso se aplica à toxina?

A toxina botulínica é segura?

A toxina botulínica já apareceu como um assunto polêmico em diversos momentos, principalmente há alguns anos. Isso causou – e ainda causa – certo receio daqueles que desejam realizar procedimentos estéticos.

No entanto, é preciso salientar que o botox é liberado pelo órgão FDA que controla todos os medicamentos americanos. E, claro, no Brasil é aprovado pelo Ministério da Saúde Brasileiro.

Outro ponto levantado é o fato de que as aplicações podem causar paralisia, mas isso é um equívoco. A toxina tem, sim, propriedades que paralisam os músculos, mas a quantidade administrada em tratamentos estéticos é inofensiva.

Então, sim, a toxina botulínica é segura e não é preciso ter medo de aplicá-la. Ela trará benefícios diversos, incluindo a amenização de rugas e marcas de expressão, maior maciez e brilho à pele do rosto.

Além de trazer ótimos resultados para quem já possui marcas de expressão, é uma ótima maneira de preveni-las também. Por isso as pessoas têm aplicado a substância cada vez mais jovens (mas em pequenas doses).

Principais dúvidas sobre a toxina botulínica

  • O efeito é imediato?

Logo após as aplicações já é possível notar as diferenças no rosto. No entanto, apenas depois de uma semana que os resultados serão mais fiéis ao que permanecerão pelos próximos meses.

  • Quanto tempo dura o efeito?

Como a maioria das pessoas já sabe, os efeitos do botox não são permanentes e a durabilidade depende da genética de cada paciente e de como ele conduz os seus hábitos em prol de uma pele saudável.

Entretanto, a média de tempo de duração dos efeitos é de 6 meses após as aplicações.

  • A aplicação dói?

Essa questão é muito subjetiva, pois cada pessoa tem o seu nível de tolerância à dor. Apesar disso, a grande maioria dos pacientes não relata dores, apenas os pequenos incômodos causados pelas agulhas.

  • De quanto em quanto tempo ela pode ser repetida?

Como os efeitos da toxina botulínica duram cerca de seis meses, é recomendada que a reaplicação seja feita após esse período. Aqueles que mantêm o tratamento, o intervalo pode ser maior, podendo esperar até oito meses.

  • Será necessário fazer as aplicações sempre?

Apesar de não ser um tratamento permanente, o botox ajuda a prevenir as rugas e conforme o tempo for passando o aspecto da pele fica bem natural, aparentando ser mais jovem – mesmo que não estejam sendo feitas as aplicações.

As aplicações devem ser realizadas por um profissional

Em diversos momentos desse artigo foi salientado o quanto a toxina botulínica é, de fato, segura. No entanto, é preciso ressaltar uma questão: mesmo sendo um procedimento com baixíssimos riscos, é imprescindível um ótimo profissional.

Somente um profissional habilitado, qualificado e experiente irá garantir que todos os resultados sejam alcançados e sem nenhum efeito colateral.

Por isso é essencial contar com profissionais renomados, como o Dr. Rummenning, para a aplicação da toxina botulínica. A recomendação é conhecer mais sobre o tratamento no site e marcar uma consulta com o profissional para garantir os melhores resultados possíveis.

 

Sobre Fice

Veja Também

Como É O Pós Operatório Da Otoplastia

Como É O Pós Operatório Da Otoplastia

Comparado a outros procedimentos cirúrgicos, o pós operatório da otoplastia geralmente é menos intensivo. No …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *